/
Menu

Transporte Coletivo será normalizado nas primeiras horas deste sábado

28 de dezembro de 2018

Os ônibus do transporte coletivo urbano voltam a circular em Pelotas, com 100% da frota, neste sábado (29), após mais de uma semana de paralisações. A decisão é resultado da audiência realizada nesta sexta-feira (28), no Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT/4), em Porto Alegre, com a presença do desembargador e vice-presidente do TRT/4, Ricardo Carvalho Fraga, da procuradora-geral adjunta de Pelotas, Brenda Guarany, e de representantes do Sindicato das Empresas de Transporte Rodoviário do Município e do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário de Pelotas.

Na reunião, que se inciou às 11h e foi concluída às 16h15min, firmou-se um acordo para que o serviço seja retomado em plena capacidade já nas primeiras horas deste sábado. Conforme a procuradora adjunta, a conclusão das negociações foi reflexo também das ações tomadas na tarde de quinta-feira (27), quando a Prefeitura notificou o Sindicato das Empresas para que cumprisse a responsabilidade contratual de disponibilizar o transporte coletivo de passageiros, e a ação declaratória de ilegalidade e abusividade de greve, no TRT/4, exigindo que o Sindicato dos Trabalhadores disponibilizasse à população o mínimo legal de 30% de circulação da frota e 60% nos horários de pico. A audiência se estendeu pois Fraga incluiu as três partes no mesmo processo, explicou Brenda.

O secretário de Transporte e Trânsito (STT), Flávio Al Alam, acrescentou que, a partir desta decisão, as mais de 50 vans e ônibus cadastrados para o transporte emergencial de passageiros deixarão de funcionar ao fim desta sexta-feira. “A Prefeitura participou dentro do que lhe era cabível. Fizemos nossa parte para garantir o atendimento à população”, disse o secretário. 

No que se refere às questões entre trabalhadores e empresas, estas foram discutidas e alinhadas entre ambas as partes. 

Por Kimberlly Kappenberg

Fonte:http://www.pelotas.com.br/noticia/transporte-coletivo-sera-normalizado-nas-primeiras-horas-deste-sabado